abril 23, 2011

Zonas erógenas masculinas!

.


Novas zonas erógenas masculinas!

Hoje abordarei novos (velhos) estímulos masculinos. Bom, tudo passará por questionar o vosso parceiro sobre a parte do corpo que lhe dá mais prazer. Certamente ele vai dizer que é o pênis. Mas talvez nem ele mesmo saiba que há muitas outras regiões do corpo que, quando estimuladas, podem trazer óptimas sensações.

Bom, quer-me parecer que as zonas erógenas não são iguais em todos nós (homens), principalmente aos que não aprenderam que o corpo pode ser explorado em todos os sentidos. Não generalizando, penso que os homens de algum modo, têm receio de encontrar locais que lhe dão (outros) prazeres, mas não sendo o convencional, depositam (sempre) no pênis todas as suas expectativas eróticas.

Entre as partes erógenas mais comuns estão certamente as orelhas, peito (tórax), costas, nádegas, a parte interna das coxas e toda área em redor do pênis, incluindo o escroto e o ânus.
.
Os urologistas contam que qualquer zona dita erógena pode ser explorada, mas, por questões sociais e de educação, certos homens nem sempre permitem o estímulo dos mamilos(!) e principalmente do ânus. Inclusivé existe uma grande cobrança por parte da maioria das mulheres quanto aos parceiros cultivarem o pênis como única forma de erotismo masculino..Cientistas ingleses afirmam ter descoberto que o ponto G do homem ficaria a três centímetros do orifício externo do reto, ou seja, na próstata. Os apreciadores garantem que o toque é muito estimulante. Porém, antes de fazê-lo, é sempre bom ter uma conversa para evitar mal entendidos... eheh! Cumplicidade e intimidade são fundamentais.
.
Para ajudar certos homem a quebrar tabus, uma boa terapia é sempre bem-vinda. Às vezes nem ele mesmo sabe que possui outros locais de sensação de prazer e excitação! Muitas vezes precisamos trabalhar essas sensações que podem ser muito prazerosas, mas vêm cheias de medo e culpa.

Óbviamente, é preciso entender os conceitos de erotismo e de cultura em determinados homens. Através do conhecimento do vosso parceiro é que se consegue fazer com que ele se liberte de preconceitos, e até aceite novidades sobre o seu corpo que nem ele próprio conhece. Isso é o que ocorre em relação, por exemplo, à estimulação da região anal.

► NOTAS FINAIS do JOTA:
A questão pertinente que se impõe é esta: Carícia anal, será uma fonte de prazer também para o homem? Bom, direi que muitos homens quando descobrem, o estímulo da região anal, sentem o maior prazer, o que não quer dizer rigorosamente nada em relação à mudança da sua orientação sexual, é importante que fique bem claro que nenhum homem deve sentir-se inseguro quanto à sua masculinidade. É evidente que a mulher tem uma boa quota-parte de responsabilidade neste processo prazeroso.

Óbvio que todos nós pensamos de formas diferentes e temos os desejos construídos durante um percurso de vida. Desta forma, a prática do sexo (ou estas novas práticas) devem ser estruturadas de maneira natural durante o acto sexual.
.
É necessário entender que cada indivíduo tem a sua própria construção do estímulo e que estas novas influências dependem de aspectos biológicos, psicológicos e até sociais.

ﻶﻉჱﭻﻉﻶ-:¦:-ﻶﻉﭻჱﭻﻉﻶ

61 comentários:

  1. Subscrevo quase a totalidade do teu post, exceptuando aquela parte em que falas do ponto G. Segundo alguns sexólogos, a verdade é que o ponto G não existe. Dizem!
    Parabéns pelo blogue, gostei bastante.
    :))

    ResponderEliminar
  2. Miauuuu!!!

    Acredito que em busca do prazer tudo é válido, tanto os homens quanto as mulheres não devem se furtar de ter e receber prazeres por tabus bobos.Isso não diminui a masculinidade de ninguém, só demonstra a sua segurança e confiança na parceira.Assim como quem não curte, tbm deve ser respeitado e entendido.

    Miaubeijos sabor chocolate e uma Feliz Páscoa repleta de miauprazeres =^.^=

    ResponderEliminar
  3. Perfeitamente, Jota! Disseste tudo, vim ler-te e naturalmente está tão bem dito tudo aqui que não acrescentarei nada!

    Beijo!

    ResponderEliminar
  4. Post muito interessante este! Bem informativo...

    Tem uma postagem sobre a pergunta que você escreveu:
    "Carícia anal, será uma fonte de prazer também para o homem?"

    Postei a um tempo atras no meu blog, e tem praticamente o mesmo nome:

    http://dafimastersex.blogspot.com/2011/04/caricia-anal-uma-fonte-de-prazer-tambem.html


    Abraços!!! Ótima páscoa!

    ResponderEliminar
  5. Na verdade nem a orientação sexual está directamente relacionada com a "masculinidade". A maior parte dos homens com orientações sexuais diferentes da heterossexual apresentam a mesma masculinidade que qualquer outro homem...

    ResponderEliminar
  6. Por mais que tudo isse seja verdade, nessas alturas da vida, já cheguei aos 80, não me sinto nem um pouco estimulado a fazer qualquer tentativa de descobrir novas aonas eróticas no meu corpo. Já me basta o pênis, tá de bom tamanho. Meu abraço.

    ResponderEliminar
  7. Os homens, a maioria pelo menos, ligam a masculidade ao pênis...complicado eles deixarem ser explorado, kkk
    bjsss

    ResponderEliminar
  8. Jota como já disse muitas vezes, o importante é deixar-se explorar, aproveitar os bons momentos, deixar os preconceitos de lado e saborear todo o que o sexo e a entrega nos pode oferecer.

    Conheci homens que adoravam caricias anais, ficando bem mais excitados e adorando cada toque e caricia feita.
    E eram bem machos, sem nunca terem duvidas disso mesmo.

    Adoro um homem que saiba aproveitar os bons momentos ao máximo, sempre com mente aberta e pronto para se divertir em todos os momentos.

    Bjokitas

    ResponderEliminar
  9. É como mencionaste, é necessário saber aquilo de que o parceiro gosta porque o que dá imenso prazer a um homem pode não dar algum a outro.

    Quanto à parte do anús, aí está...uns fogem como o diabo da cruz, outros adoram.

    " certos homens nem sempre permitem o estímulo dos mamilos"


    Esta desconhecia, talvez porque os Aliens com quem estive sempre adoraram ter a minha lingua a percorrer o peito todo :)

    Bjs J.

    ResponderEliminar
  10. Pois, tudo depende do companheiro sexual... Mas seria incongruente aquele tipo que quisesse fazer sexo anal comigo e depois recusasse alguma caricia que se aproximasse do seu ânus. Tem que existir alguma flexibilidade por parte do parceiro.

    Quanto ao famoso Ponto G que primeiro existia e depois passou a não existir, eu tenho a dizer que comigo se passou o contrário: 1º não existia mas quando passou a existir (foi descoberto) nunca mais desapareceu! lol

    Beijo

    ResponderEliminar
  11. Oi Jota!

    Bom saber que são infinitas as formas de proporcionarmos prazer a quem amamos e desejamos!

    Beijão. Gi.

    ResponderEliminar
  12. Jota, gostaria de saber se algo de anormal se passa com o teu blogue em termos de Feeds. Se reparares, o teu link, na barra lateral esquerda do meu blogue, não é actualizado com a publicação do ultimo post, aliás, o mesmo acontece com o da nossa amiga Pink Poison. Se calhar não era má ideia contactares o blogger.

    ResponderEliminar
  13. Adorei estar aqui. Já estou dentro, te seguindo. Passa lá no meu blog. Se gostar, me siga. Felicidades mil. Hoje e sempre.
    Hiper abraço. Voltarei mais vezes. João.

    ResponderEliminar
  14. falou e disse, meu caro jota. Está aberto à novas experiências pode ser um leque de possibilidades prazerosas. Feliz Páscoa ^^

    ResponderEliminar
  15. ...o problema do gozo perfeito é o preconceito...

    bjks doce no ♥

    ResponderEliminar
  16. Ai, ai... lá vem de novo o povo dizer de novo que o ponto G não existe. Ô, chatice. Não é porque você não achou o seu que ele não existe. Eu sou testemunha viva de que ele existe sim, e o prazer que ele gera é maravilhoso, e inconfundível.

    Quanto aos homens... que a próstata é um foco de prazer, sem dúvida. É físico. Mas se o homem pensa que ser tocado na próstata é um atentando contra sua masculinidade obviamente mesmo que tente não sentirá prazer, apenas desconforto. O tesão nasce na cabeça...

    Beijos,
    Deb.

    ResponderEliminar
  17. Oi Jota!
    Adorei este post...
    Pra você ver..., como a criação do homem, no decorrer da História, fez com que ele não se permitisse a uma infinidade de prazeres que o corpo é capaz de proporcionar, a ele e à parceira. Pois a pareira moderna também pode curtir muito fazer essas carícias no amado, justamente nestas zonas que ele diz que é proibido. Isso aumenta a excitação da mulher.
    Seria tudo tão mais simples e prazeroso se ambos fossem livres de tabus e preconceitos. O homem que é seguro de verdade da sua masculinidade, não tem receio algum de receber carícia em qualquer que seja a parte do corpo.
    Eu já experimentei fazer tais carícias no corpo do meu amado. É muito gostoso para nós dois.
    Um beijo querido, bom domingo pra vc..
    Myah

    ResponderEliminar
  18. Jota querido !!
    Uma verdadeira troca de gentilezas, toma la , da cá !!
    rsrsrrs...
    beijoooo

    ResponderEliminar
  19. Gosto de estar com homens LIVRES, em todos os sentidos...é tão melhor!

    Temos um corpo todo para sentirmos prazer...

    Beijos e espero que tenha passado uma boa Páscoa!

    Bia

    ResponderEliminar
  20. Olá meu amigo querido...
    Hj estou aqui somente para te desejar uma Feliz Páscoa...acabei de chegar de viagem e não poderia deixar de vir aqui te dar um cheiro e um bj gostoso, molhado e dizer que vc é um amigo especial...
    Volto amanhã para comentar e ler tudo com muita atenção e carinho...
    Tenha uma semana deliciosa...ti adoro meu amigo e confidente de todas as horas...bjs carinhosos...Mar...

    ResponderEliminar
  21. Há muitos anos que se sabe que o ânus é uma região altamente erógena porque é uma passagem para as paredes intestinais que, manipuladas, estimulam a próstata. Na mulher, como também no homem, a região anal possui altíssima sensibilidade, o que pode ocasionar, com grande intensidade, prazer ou desconforto para quem sofrer de hemorróidas.

    ResponderEliminar
  22. Oi meu querido. É uma pena que muitos homens ainda são cobertos de preconceitos e acham que o maior prazer está no pênis ao ser tocado. Bobinho, mal sabem o que estão perdendo rs.
    Beijos meu amigo e linda semana!

    ResponderEliminar
  23. olá passando pra avisar q o nome do blog mudou. Mas o conteúdo é o mesmo. bjao. Bell

    ResponderEliminar
  24. olá querido,

    nossa vc deve me achar uma papa-pitacos neh, bastou vc ir lá na minha morada e eu corri prá cá....rss..gostou do verbete, adoro criá-los..rss..bom já vou me desculpando pela falta deles em sua aconchegante morada, acredite que esta submissa de carteirinha, é por demais preguiçosa, mas sou fã incondicional de seus textos, deve ver pelo contador de vistias, as inumeras vzs que passo aqui....desculpe-me

    bom qto ao excelente texto, o que vale é o prazer e os ptos desse delirio........*pisc

    bjs ternos
    ternura_ACM

    ResponderEliminar
  25. Jotinha querido,

    O prazer esta por todo corpo e cabe aos parceiros o entendimento do que desejam no sexo. O preconceito anula o prazer.
    Bom te ver lá no Faces, sempre!
    Bjão e ótima semana

    ResponderEliminar
  26. Sempre arrasando nos posts. Saudade, lindo. Estou voltando.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  27. A bem da verdade, um dedo massageando a próstada é bem diferente de um caralho rompendo-lhe o rabo, não é? Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa.


    Abraços do Gaúcho.

    ResponderEliminar
  28. Jota,

    Gostei deste tema, muito pertinente. Na minha opinião isto prende-se com a eterna questão da qualidade dos preliminares e da cabeça dos intervenientes.

    Há quem tenha muita pressa, há quem goste de fazer do sexo uma arte. Pertenço ao último grupo e até hoje não me arrependi.

    O corpo do Homem? Um manacial de zonas erógenas.

    Beijo (all over) you ;)

    ResponderEliminar
  29. ººº
    STARGAZER:

    Sim, minha querida STAR, sempre afirmei, que praticar sexo além de ser uma necessidade, é fundamentalmente uma arte.

    Eu acrescentaria mais, as zonas erógenas do homem, tal como a mulher, são inesgotáveis. ;)

    ResponderEliminar
  30. Olá, meu querido!
    Acredito que nos permitirmos sentir prazer deveria estar acima de qualquer preconceito. Mas muitas mulheres são tão ou mais preconceituosas que os homens e estranham quando o parceiro tem prazer em regiões menos convencionais como o ânus, por exemplo. Triste, né? Pois se elas mesmas sentem, porque deveria ser diferente para o homem?
    Xico Sá escreveu um dia que "homem que é homem se garante até de baby doll" e eu concordo plenamente com ele!
    Beijos, meu querido!!!

    ResponderEliminar
  31. Ah mais que na prática é difícil achar um homem sem este preconceito é! Ou eu só conheci machistas...bjs meus, tenha uma linda semana...

    ResponderEliminar
  32. ººº
    CRYS:

    Certamente, só te passaram homens preconceituosos, lamento.

    ResponderEliminar
  33. Jota.... muito prazer em receber você em meu blog!
    Vejo que você relamente entende do assunto.
    O post é maravilhoso e teu blog idem.... quero ser seu seguidor e tua presença em meu blog será uma honra.
    Vejo que a elite da blogosfera vem aqui...
    Grande abraço..

    ResponderEliminar
  34. Jota,

    Concordo em absoluto contigo. E se o Céu é o limite, é essa máxima que deve estar presente sempre que nos envolvemos em artes gueshianas, como gosto de lhes chamar.

    Desde que ambos se sintam confortáveis, não existem tabus, desde osimples role playing, passando pelos kinky toys, etc., etc.

    Strap on kiss :)

    P.S. Repito: gostei da forma como encaras o tema...e deixo as reticências propositadamente ;)

    ResponderEliminar
  35. "...mas, por questões sociais e de educação, certos homens nem sempre permitem o estímulo dos mamilos(!) e principalmente do ânus."

    Mais nada a acrescentar!!!
    Beijos Jotaene!

    ResponderEliminar
  36. Eu acho se o homem gostar e sentir prazer tudo bem..Mas vai q ele goste da história de ficar colocando dedinho e de repente te abandona,por um cara bem dotado? kkkkk
    Brincadeirinha...Mas que seria estranho,acariciar em outras partes,fomos criados em um mundo moralista,e preconceituoso, vai demorar pra gente se acostumar com coisas novas!!bjs

    ResponderEliminar
  37. Sinceramente não vejo incongruência nenhuma no que postaste!

    ResponderEliminar
  38. ººº
    ISABELICES:

    Tem piada, que eu também não! :P

    ResponderEliminar
  39. nao acredito neste tal ponto g masculinho. Sinceramente, acho que é lenda.
    E está certo, acho que por mais moderninho que o homem seja, ele tem enormes receios de ser tocado, tipo, se entregar ao toque feminino.... assim... entregue na cama ao belprazer nas nossas linguas.... e nao só lá...láaaaaaaaa...

    rsrs

    ResponderEliminar
  40. Tudo gira em torno do receio de sentir-se inseguro e trilhando em caminhos tortuosos. Ou seria medo de gostar, ou pensar que a parceira pensará coisas inadequada a seu respeito?!
    Machismos, nada além disso!

    Mais uma vez o blogger FETICHES E FANTASIAS foi enquadrado, e desta vez a centença foi perpetua.
    Agradeço por todas as vezes que pela a minha alcôva passou, confesso que sempre foi uma honra tê-lo como visitante!

    DARK - LADY

    ResponderEliminar
  41. ººº
    DARK:

    Amiga, não entendi... o que se passou?

    Pelo que constatei passou a ser um espaço de moda, decoração e alimentação. :(((

    ResponderEliminar
  42. As costas de um homem são extremamente sensuais... adoro.

    ResponderEliminar
  43. Oh não Mocinho, este o qual se refere foi o que ainda me sobrou por enquanto.
    FETICHES E FANTASIAS foi criado para assuntos mais caliente e permaneceu assim até o ultimo minuto no ar, aquele que de vez enquando tu passavas por lá para me dar o prazer de tua presença.

    O outro qual refere-se é o Blogger O RITUAL.
    Este totalmente comportadinho,mas que não duvido nada que alguem tenha a petulancia de denunciá-lo como fez com FETICHES E FANTASIAS cujo foi REMOVIDO neste dia 28/04, sem minha autoria. Uma lástima por sinal.

    DARK - LADY

    ResponderEliminar
  44. Lindo Gato Incongruente,

    O que posso dizer é que os homens se assustam quando percebem sentir tesão em certas áreas do corpo. Acho um preconceito tolo. O homem só perde ao se limitar dessa forma.

    Creio eu que você, Incongruente, não é homem que se limita. Assim espero.

    Tenha um lindo fim de semana!

    Super beijos no G masculino!

    ResponderEliminar
  45. querido jota so pa avisar k meu blog foi removido. qd voltar, com o novo ou o mesmo (s tiver sorte) eu aviso.

    mas tens sempre este www.osestragafodas.blogspot.com

    ResponderEliminar
  46. Eh lá. Isto é que é pesquisa séria! ;)

    ResponderEliminar
  47. Jotinha querido, beijinhos de boa semana

    ResponderEliminar
  48. Ei meu querido, linda semana pra você!
    Beijos

    ResponderEliminar
  49. Realmente os homens mais resolvidos estão descobrindo que os prazeres não acaba no pênis. Muito bom.
    Bjssss

    ResponderEliminar
  50. Jota, não gosto de ver amigo sendo enganado, por isso deixo pra vc a foto original de uma moça que anda por ai enganando quem faz blogues sérios, como vc. Essa foto, a original mesmo, está num blogue brasileiro.

    http://3.bp.blogspot.com/-5cJIuIwRw34/Tb6DMTYwQSI/AAAAAAAAALE/JtnaxpsKwag/s1600

    Depois falo pra vc quem sou. Beijo.

    ResponderEliminar
  51. Jotinha, meu iconoclasta preferido!
    Passando pra te desejar um fds bem bacana.
    Bj grande

    ResponderEliminar
  52. ººº
    IRA BUSCACIO:

    Ainda bem que sou o teu iconoclasta preferido, sabes porquê? porque sou convicto, firme e enraízado, rsrs

    ResponderEliminar
  53. Jota, obrigada pelo comentário e visita ao onzepalavras. Estava sentindo a sua falta por lá. Aqui, como sempre, textos e contextos interessantes. Ana

    ResponderEliminar
  54. Hoje amanhã e durante os próximos três anos abordaremos novos e (velhos) estímulos financeiros neste mar de crises.

    Somos assim uma espécie de piratas económicos de abordagem em abordagem


    Bom, tudo passará por questionar o vosso pirata sobre a parte do défice que lhe dá mais prazer.

    Certamente alguém vai dizer que gosta mais dos preliminares ou seja uns preferem a parte em que o governo se deitou abaixo outros preferem pensar que deitaram abaixo o governo e lhe cairam em cima.

    Resumindo cada um tem as suas fantasias

    Mas talvez nem mesmo saibam que há muitas outras regiões do défice que, quando estimuladas, podem trazer óptimas sensações.

    Bom, quer-me parecer que as zonas deficitárias não são iguais em todos os organismos estatais e aparentados, principalmente aos que não aprenderam que o défice pode ser explorado em todos os sentidos.

    Não generalizando, penso que os portugueses de algum modo, têm receio de encontrar locais que lhe dão (outros) prazeres, mas não sendo o convencional, depositam (sempre) no défice todas as suas expectativas económicas.
    .
    Entre as partes deficitárias mais comuns estão certamente as mioleiras, bocas, peitos, costas, nádegas, a parte interna das tripas e toda área em redor do ânus. .

    Os economistas contam que qualquer zona dita deficitária pode ser explorada, mas, por questões sociais e de educação, certos homens nem sempre permitem o estímulo dos seus défices e principalmente do défice dos outros.

    Inclusivé existe uma grande cobrança por parte da maioria das mulheres alemãs e finlandesas quanto aos parceiros portugueses cultivarem o cimento as carreteras e os carrinhos como única forma de erotismo económico.
    .
    Cientistas ingleses afirmam ter descoberto que o ponto de bancarrota dos portugueses deve ainda estar a uns anos de distância
    mas pelo sim pelo não vão deixar de nos dar trocos

    ResponderEliminar
  55. Dificil encontrar um homem que permita ser explorado.
    Mas amei teu blog e texto.
    beijos achocolatados

    ResponderEliminar
  56. A propósito, aquelas mãos da foto são minhas, rsrsrs...

    ResponderEliminar
  57. Jota, muito boa a postagem, mas ainda fico com a prerrogativa final, no últio parágrafo. Acho que cada um faz, constrói, mostra, revela as suas preferências ou sensibilidades. É mais natural do que ficar procurando, rsrsrs. Bjo

    ResponderEliminar
  58. a última postagem 'sumiu'...

    Beijos meus no teu coração!!

    ResponderEliminar
  59. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog Machado de Carlos. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs

    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.

    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    Abraços

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  60. bem vindo de volta fazias falta!
    mas tudo será resolvido tenha paciência!
    beijos mágicos

    sub_ísis

    ResponderEliminar
  61. Caro JOTA não poderia deixar de comentar este post em particular.
    É bem verdade e concordo plenamente contigo.
    Os homens (alguns) acham que as zonas erógenas passam apenas pelo pénis ou pouco mais que isso.Ora...nesses casos eu diria que a culpa...é meia culpa!
    Nós mulheres também temos uma meia culpa por isso...não exploramos o parceiro em busca do seu prazer máximo.Muitas limitam-se também a achar e acreditar que as zonas erógenas são as mesmas para todos e não é.
    Por último julgo que os homens não devem ter complexos do seu prazer e há que assumir para assim poder tirar o maximo partido das suas experiências e vivências sexuais.
    Volto a frisar...nós mulheres também temos uma meia culpa!

    Bjos
    Mary

    ResponderEliminar

█████████████████████████████████

彡 LICENCIATURA DO JOTA EM SEXOLOGIA ...

► na HISTÓRIA DA ‘QUECA’ PORTUGUESA
► no FELÁCIO DOS AUSTRALOPITHECUS
► na PATOLOGIA DA ÁREA DO PONTO G
► no CUNNILINGUS CONTEMPORÂNEO
► no PRAGMATISMO DA ‘CANZANA’
► e na MORFOLOGIA DO PÉNIS

█████████████████████████████████