fevereiro 24, 2014

Pénis grande vs impotência



Homens há, com o pénis avantajado (20 cm ou +), que mal esclarecidos têm a sensação de se tornarem impotentes, no final da sua vida sexual activa, ou mesmo por não conseguirem uma erecção pretendida, por pensarem que a irrigação sanguínea não se dá na totalidade.

Ora esta ideia é mito, eu diria, completamente falso, e porquê? Porque as preocupações com o tamanho do pénis e a ideia que este órgão reúne quanto à afirmação da masculinidade, geram as mais diversas controvérsias entre amigos. Obviamente que nessas conversas, os mais dotados não perdem a oportunidade para enaltecer o tamanho do seu instrumento, enquanto os outros, diminuídos com tanta gabarolice defendem-se com os argumentos do mito que acima referi ( falta de irrigação sanguínea ).

Registos demonstram que uma saúde forte baseado numa alimentação saudável e exercício físico moderado é fundamental para que o sistema vascular funcione na perfeição e preencha um pénis, seja de que tamanho for.

30 comentários:

  1. Nunca tinha ouvido falar desse mito, mas devo andar a leste dos tamanhos dos pénis de cada um. Esse mito não tem lógica nenhuma, digo eu. Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. nã é um mitho o sistema vascular tem falhas varizes nas veias entupimentos nas artérias que aumentam cum a edade

      e outras causas ruptura do tecido cavernoso que se enche de sangue

      destruição de terminações nervosas

      e de resto o fluxo sanguíneo para o dito cujo depende de concentrações de moléculas várias que muita cousa pode alterar

      logo quanto maiore o volume ,,,,a.....maior a probabilidade de ficar murcho

      Eliminar
  2. Estou como a Paula Raposo. Desconhecia essa ideia da deficiente irrigação de pénis maiorzinhos.
    Se o coração irriga pessoas de mais de 2 metros, não estou a ver o orgão vital a falhar com o sangue arterial nuns centímetros a mais que podem fazer tanta diferença.

    Uma informação pertinente a deixar descansados 'os afortunados'.

    O importante é a ereção ser satisfatória para os envolvidos arrastando o prazer apetecido.
    O resto são mitos, tal como referes.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obviamente que o tema do post é pertinente. Daí a publicação do mesmo!

      Em relação aos 'bem-dotados' como refere o post, é preciso esclarecer que nem tudo com eles é "maravilha". O maior número de 'bem dotados' está na população negra (julgo eu).

      Por exemplo, sabe-se que a incidência da disfunção eréctil é bem maior nos 'bem-dotados', sejam brancos ou negros, pois necessitam de muito mais irrigação sanguínea nos corpos-cavernosos. Dizem os entendidos que devido ao comprimento do pénis, existe uma tendência ao trauma em corpos-cavernosos, isto é, relações com o pénis não totalmente erecto ou penetrações incompletas, pode levar a uma incidência maior de fractura nos corpos cavernosos.

      Ao invés há conhecimento que em erecções demoradas, a possibilidade de ocorrer priapismo (erecções prolongadas e dolorosas) também está presente.

      Eliminar
    2. Os 'corpos-cavernosos' transportam-me para outros 'locais' que não interessam à temática, mas que me fazem sorrir bastante.

      Pois!

      Contra factos não há argumentos.

      Com fundamentos tão bem documentados e explicados quase sinto 'pena' dos 'afortunados'.

      Só tenho a agradecer a informação que me rasgou horizontes virgens.

      Só tu, Jota!

      És único!
      (eu sei que já sabes, mas nunca é demais relembrar).

      Beijos

      Eliminar
  3. Os pênis sempre deixam seus donos com complexo; uns de inferioridade, outros de superioridade. Melhor que não irrigue mesmo, afim de evitar uma possivel 'perfuração' uterina, haha... Beijos Jota.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fica tranquila Verónica, essa possibilidade da perfuração uterina, não se põe. Teria que ser um 'instrumento' tipo Grigori Rasputin na ordem dos 29 cm em descanso absoluto... e muitos mais em plena actividade (!)

      Eliminar
  4. Eu sabia que havia dificuldade em manter a erecção devido a irrigação do sangue no pénis. Muitos têm esse problema. Mas é como dizes, uma alimentação saudável, exercício físico e a coisa aguenta-se :D

    ResponderEliminar
  5. Desculpa a mesmice mas a competência fala mais alto, o resto é resto... Aproveitem afinal não podemos ter tudo, rs


    Bjoooo

    ResponderEliminar
  6. Concordo com a postagem..E tamanho não faz diferença,pois os homens tem para de olhar para isso e cuidar mais da sua saúde e satisfazer as suas mulheres.

    ResponderEliminar
  7. Não creio que o tamanho influencia na capacidade de ereção, a não ser que o dono do instrumento fique muito vaidoso, se sinta “O TAL ” do pedaço, o macho alfa devido à dimensão do seu "expelidor ejaculatório", ao ponto de se envaidecer tanto que venha a interferir negativamente no desempenho da sua performance.
    Será que homem pauzudo possui também a quantidade de esperma proporcional ao seu tamanho? será que o seu orgasmo é também mais intenso ou dura alguns segundos a mais? Será que no percurso, seu esperma leva mais tempo para alcançar o fundo da xana? rsrsrsrsr
    Isso tudo depende mais da cabeça. Não do pau, mas, na do dono do pau :)))

    Beijos e abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Excelente dissertação a tua, querida amiga.
      A vaidade peniana, pode sim, interferir com a performance.

      Eliminar
  8. O importante é fazer um bom uso do seu objeto do prazer no mais a mulher sabe muito bem como deixá-lo prontinho. Bjussss

    ResponderEliminar
  9. Eu tenho um pénis um pouco grande e não tenho esse tipo de problema. Mas sou retardado, não sei se tem ou não a ver com o tamanho, mas demoro imenso tempo para ejacular...o que, convenhamos, por vezes é uma enorme chatice...estar excitado e não deitar fora em tempo considerado normal, é complicado,
    Um abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Jorge querido, vamos experimentar toda esta sua potencia? rsrsrsr Deu-me vontade ;), vem cá.......

      Eliminar
    2. Eh lá...se desse para teletransportar a coisa...
      :)))

      Eliminar
    3. Eheheh... Você é o único responsável pelo que cativa. Abraço

      Eliminar
  10. Quem se preocupa com tamanho não se garante como homem.

    Beijos Gregos querido.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, MT ... creio que a discussão é polémica. Quer-me parecer que é a ala masculina quem se preocupa mais com isso e se esquece do que é fundamental.

      Enfim, tem pessoas que pensam que uns centímetros a mais dentro da cueca pode fazer milagres. Só se for pelo o 'efeito placebo' que isso provoca na mente do homem. Contudo, continua a ser discutível!

      Igualmente para ti... Beijos Atenienses !

      Eliminar
  11. .

    .

    . assim sejamos completa e eficazmente irrigados . por todos os dias das nossas vidas . :) .

    .

    . um abraço . jota .

    .

    .

    ResponderEliminar
  12. Devemos sim procurar um bom médico se as coisas não acontecerem direito. Abraço

    ResponderEliminar
  13. triste demais um homem impotente, ainda mais um homem bem equipado, rs

    ResponderEliminar
  14. Eu sou fã dos modestos!
    Rs

    Beijo Blue

    Poline

    ResponderEliminar
  15. Em comprimento não terá grande importância, desde que seja pelo menos médio, mas dará muito mais prazer a um mulher se o pénis for bem grosso, porque na penetração fica em melhor contacto com o clitóris e é com esse roçar que a maioria das mulheres, entre as quais estou incluida, obtem os melhores orgasmos. É precisamente o meu caso, tenho um marido cujo pénis, logo que me penetra, no seu vaivem dentro de mim, roça sempre onde tenho mais prazer; ao contrário do que sucedia com o meu ex-namorado que eu tinha de unir as pernas, para mesmo sem penetração, sentir a cabeça em contacto com o clitóris, pois só assim conseguia alguns orgasmos.

    ResponderEliminar

█████████████████████████████████

彡 LICENCIATURA DO JOTA EM SEXOLOGIA ...

► na HISTÓRIA DA ‘QUECA’ PORTUGUESA
► no FELÁCIO DOS AUSTRALOPITHECUS
► na PATOLOGIA DA ÁREA DO PONTO G
► no CUNNILINGUS CONTEMPORÂNEO
► no PRAGMATISMO DA ‘CANZANA’
► e na MORFOLOGIA DO PÉNIS

█████████████████████████████████