novembro 13, 2009

Quem arrisca no amor?

.

O AMOR É UM RISCO, O SEXO NÃO.
.
Hoje em dia são cada vez menos os romances e os filmes cujo tema principal é um amor apaixonado. Em compensação o erotismo e o sexo sem amor estão cada vez mais presentes.
.
Na vida real há jovens que aos trinta anos já tiveram experiências sexuais que as mães nem teriam imaginado, mas ainda não viveram um grande amor. Não encontraram a pessoa certa ou ficaram inibidas.
.
É como se houvesse uma inversão do binómio sexualidade-amor.
.
A sexualidade começou por ser perigosa, ( pelo risco de uma maternidade indesejada ) pelo que era controlada e reprimida.
.
Actualmente, o maior perigo está em abandonarmo-nos ao amor, pelo sofrimento que ele pode causar, sobretudo quando a sexualidade é livre e a fidelidade deixou de ser considerada uma virtude e um dever essencial.
.
O amor é um risco, mas quem não o corre não vive.
.
Qual a vossa opinião? São a favor de uma relação "sexo sem amor" sob um ponto de vista de uma sexualidade livre e espontânea ou é fundamental sexo com amor ?
Ѽ Ѽ Ѽ

41 comentários:

  1. boa noite!!

    Estas questoes, como é obvio sao bastante subjetivas depende do modo como concetualiza a sua posiçao e a sua visao do mundo!

    no meu caso em particular, sou bastante tradicionalista, adepta de um grande amor (que encontrei e ja la vai um ano e meio), pode dizer-se que sou extremamente romantica (chega ao cumulo de ser lamexas LOL) mas tambem sei separar as coisas! nao misturo exageramente romantismo nalguns momentos como é obvio!

    Mas no fundo, sou adepta de sexo com amor! sem duvida! acho que para dar-mos um passo que envolve a nossa intimidade mais pura deve haver sempre o acompanhamento de uma forte dimensao emocional, nao uma mera atraçao fisica!

    Contudo... nunca direi k dessa agua nao beberei! mas neste momento é impensavel =D

    beijinhuuu *

    ResponderEliminar
  2. Sexo com amor é muuuito bom!
    Sexo sem amor também é bom!

    Beijos Jota!

    Tenha um ótimo fim de semana!

    ResponderEliminar
  3. Não sou adepta de qualquer forma de escapismo, portanto as duas formas usadas - sem critério - serão danosas!
    Fugir do amor, só praticando sexo ocasional, não acho saudável!
    Por outro lado, associarmos sempre o amor ao sexo, poderá nos trazer tremendas desilusões e frustrações! E o pior é que sairemos "vazios e insatisfeitos" nas duas formas!!
    Não há nada comparável a um bom sexo entre duas pessoas que se amam pra valer, mas isto é um privilégio de poucos no mundo de hoje... admito!
    Eu, pessoalmente, prefiro a última opção, obviamente, mas na "falta de" o mais importante é que em qualquer uma das hipóteses, jamais falte o carinho e o respeito mútuos, caso contrário estaremos a falar de "máquinas de fazer sexo" e não de pessoas com um coração pulsante no peito...
    Beijos pulsantes... rs
    Helô

    ResponderEliminar
  4. Sinceramente acho que "Sexo sem Amor" dá menos dores de cabeça e muitos momentos de pura tesão!!!

    Beijoca Jota



    Novo post... atreve-te a ler uma história vivida na primeira pessoa!

    ResponderEliminar
  5. tem que haver as duas situaçoes...sempre!

    tem que haver amor com a namorada, como tem que haver sexo com a outra...vá e vice versa!
    lol

    ResponderEliminar
  6. Novamente aqui... embalada pelas suas palavras!

    Sim Jota, o nome é fictício mas o material é todo meu!
    Ainda bem que gostou da minha história relatada na 1ª pessoa.
    Gostei princialmente da parte do "pau"... hum... é por demais gratificante saber que tais minhas meras palavras têm o poder de nos unir de forma tão íntima!

    Como me contactar?
    Adicione-me...

    fragmentos_intemporais@live.com.pt

    AtReVa-Seeee

    ResponderEliminar
  7. Dois pesos, duas medidas e a certeza de que o amor com sexo é muito mais gostoso e que no sexo pode surgir o amor... Necessidades diferentes com pitadas de paixão.

    "e, em certa altura da vida, já os dois com os cabelos grisalhos, ele desliza seus dedos sobre os cabelos dela... -Isso -diz ele- também é fazer amor!"
    O amor está em tudo! Sem amor não seguimos nem, paramos...

    Beijos Jota, no seu coração e na sua alma. Nessas tantas formas de amor, amigos dizem eu te amo e cabem de forma especial dentro do coração!
    Um ótimo fim de semana pra ti, meu amigo!

    ResponderEliminar
  8. Obrigada por seguir o meu blog, e pelo banner. :)

    ResponderEliminar
  9. Concordo q hj em dia as sensações racionais tenham tomado conta do ser humano. Mas eu como sou jovem, acredito no amor porque eu vivenciei. Digo isso porque to cm problemas bem chatos em relação a ele". A esse amor que impregna na gente não faz vivermos direito quando algo de errado acontece.
    Eu não sei se daqui pra frente pensarei diferente, mas o ser humano vai continuar vivendo só de sexo, enquanto não achar alguem q queira MAIS que isso. Eu como encontrei o amor antes não tenho experiencias casuais. No fundo eu desejo q todo mundo ame e seja feliz porque no fundo entendemos nada sobre a vida, sobre amor, sobre o q é certo.

    ResponderEliminar
  10. Uma pitadinha machista!
    PAU PAU Pedra Pedra
    Amor e amor tem sexo coisa e tal, e bacana, mas da um puta trabalho!
    Sexo e otimo! é ali e...
    LEO

    ResponderEliminar
  11. eu não faço unhas não, detesto unhas :D gosto só de maquiagem *-* e futuramente farei curso de penteado e sobrancelhas tbm.. mas unhas NÃO.

    q bom q gostou do q falei, então há alguma esperança no mundo ajOIAJoiajO Minha mãe fala q sou muito boazinha. Vai ser sou né :) Beijunda

    ResponderEliminar
  12. Sem duvida quem não arrisca não petisca, mas por vezes, quem consegue jogar xadrez com paisagem tão deliciosa?...

    ResponderEliminar
  13. Tanto faz. Melhor do que ficar na mão!
    =P

    ResponderEliminar
  14. Acredito que sexo sem amor é só gozar e pronto, já sexo com amor a gozada vai além. Quem trepa apaixonado sente uma conexão diferente entre os corpos, agora quem trepa por trepar, trepa e acabou. O bom é saber a diferença entre as duas situações e com o tempo perceber que com paixão é sempre melhor... bom, é o que eu acho!

    até mais.


    Jota Cê

    ResponderEliminar
  15. Tudo na vida é um risco se for levado sem bom senso. Se me perguntarem o que eu quero, digo que prefiro amor com muito sexo. Se acontecer o contrário, não me inquieta, desde que as pessoas percebam o que estão a fazer.

    Bjs

    ResponderEliminar
  16. Para mim tem que ser sexo com respeito, delicadeza, ternura, carinho e muita competência. O amor só atrapalha...às vezes. Um beijo

    ResponderEliminar
  17. Amar é a maior e melhor experiência da vida. O problema é que está difícil " encontrar " alguém para amar. Encontrar uma relação que valha a pena.
    Sei não.......mas falta de amor é doença. As pessoas estão doentes.
    Já dizia aqui no Brasil Renato Russo : ' Vivemos num mundo doente"...O planeta está doente. O ser humano também.
    Hoje é mais fácil " odiar" do que amar.
    Sexo não compromete. Amor, sim. Amar é doação e ninguém está querendo se doar.

    Boa semana !

    ResponderEliminar
  18. Ola Jota

    Eis uma questão que fico em cima do murro ambos sao bons.

    bjos

    ResponderEliminar
  19. Acredito que seja beeem melhor com amor, mas se for para fazer sem amor que no mínimo seja com responsabilidade! ;)

    ResponderEliminar
  20. Sexo sem amor é bom hehehe, mas com amor é ainda mais gostoso. Eu já tenho o meu amor, então fico tranquilo.

    Mas de vez em quando a gente se aventura em experiencias sem amor (com prévio consentimento) para apimentar a relação e descobrir coisas novas.

    Sexo sem amor, mas com responsabilidade! ^^

    ResponderEliminar
  21. Eu sou a favor do sexo.... com ou sem amor.. tanto faz.... mas com os devidos cuidados!

    Agora se formos falar de amor... eu prefiro amor com amor e com muito sexo rs

    Obrigada pelo carinho lá no Divã!

    bj

    ResponderEliminar
  22. Adorei o post!

    Sou a favor do sexo, se é sem ou com amor é tudo uma questão do momento que se está vivendo.

    E o mais importante de tudo: sexo com precaução independente do momento que se está vivendo.

    Bjos e boa semana

    ResponderEliminar
  23. Eu a chegar aos 25 ainda não encontrei o amor dito verdadeiro, não gosto de me envolver muito com outra pessoa para além do sexo e de uma amizade verdadeira. Não gosto muito daqueles amores lamechas, que deixam tudo pela outra pessoa para depois levar um coice ahah mas talvez porque ainda não encontrei the one.

    ResponderEliminar
  24. eu ri ahuAHuiahuI CM AQUELE FICAR NA MÃO.. KKK

    olha só, eu te dei um cartão vermelho lá no meu blog.. se vc curtir a ideia de falar de 10 coisas q te irritam, te irritaram ou vc odeia é uma boa. Talvez fuja da ideia principal, mas se curtir é só postar ^^

    ResponderEliminar
  25. Sexo é sexo, amor é amor.
    Sinto-me privilegia por ter os dois.
    Abç...

    ResponderEliminar
  26. oi jota,amei esse blog tbm!!vc é demais!!
    eu não sei te responder essa pergunta,acho q oipnião de cada um,na minha acho q é melhor sexo com amor,mas to na duvida eu sou uma daquelas pessoas dos tempos passados embora ainda esteja no auge da minha vida(¨26)eu casei cedo amando meu marido,virgem e nunca tive outra pessoa ou uma aventura,ou só por uma noite,sexo sem amor!!
    merece???rsrs
    bjokas

    ResponderEliminar
  27. O amor da trabalho, e neste sociedade em que nao queremos ter trabalho para nada, decidimos nao amar.


    Quanto a tua perguta, sao duas coisas completamente diferentes, sexo com amor, e a expressao desse amor, as duas pessoas conhecem-se, completam-se. Sexo sem amor e um gelado num dia quente.

    Nao ha como escolher um sao ambos bons e ambos necessarios

    jokas
    Paula

    ResponderEliminar
  28. PS... gostaria de conhecer seu trabalho voltado para a fotografias eróticas! =p

    Abração!

    ResponderEliminar
  29. "O amor é um risco, mas quem não o corre não vive."

    Perfeito!

    Abs

    ResponderEliminar
  30. Difícil pergunta, mocinho...rs

    Não dá para radicalizar nada...

    Com amor, claro que é o ideal de qualquer um...
    Tanto o homem quanto a mulher..

    Mas na falta...

    Jejuar é que não dá...rs


    Beoijos!

    ResponderEliminar
  31. Jota, coisas estranhas acontecem...
    Ando cheia de fantasmas...
    Olhos atentos percebem os detalhes...


    Beijops!

    ResponderEliminar
  32. Um bom sexo pode nos conduzir a um grande amor.
    Um grandr amor,sem a chama sexual acesa,acaba em nada.
    Nada vem sozinho,toda ação tem uma consequencia.
    eestou livre,porque não fazwe?
    Se livre,porque nao fazer?
    Beijos seu danado...
    T I N I N

    ResponderEliminar
  33. Sexo com amor é maravilhoso!!! Mas, se não tiver um amor... sem sexo não dá para ficar.

    beijo rouge

    Dani

    ResponderEliminar
  34. Jota,
    Hoje em dia, as mulheres têm mais liberdade para sair e se divertirem do que há alguns anos atrás. Elas descobriram o "poder" que possuem nas mãos e passaram a usá-lo.
    Há alguns anos atrás, as pessoas estavam juntas, mas não tinham sexo na primeira noite. Se o faziam, era numa proporção muito pequena. Actualmente, é difícil isso não acontecer. É apenas a banalização de algo que deveria acontecer em níveis mais profundos, menos associados a necessidades básicas. Vejo que as pessoas perderam os seus limites. Não sabem mais distinguir o "certo" do "errado". Não é que exista isso quando se fala de sentimentos, mas eu acredito que não há nada melhor do que viver uma fase de cada vez. Sair... conhecer... namorar... e cada vez menos, eu vejo isto acontecer.
    Elas tornaram-se "homens" à procura de diversão. Sexo sem compromisso... sexo pelo sexo... Não vou ser hipócrita ao ponto de afirmar que só fiz sexo até hoje com pessoas que amei. Mas, existe coisa melhor do que praticar sexo com alguém que se ama? Sentir a intimidade... a pulsação... o conhecimento da outra pessoa? Literalmente... "fazer amor"?
    Nada substitui esse prazer... o de sentir alguma coisa mais do que excitação pela pessoa com quem se está. O encontro dos corpos... o enlace das bocas... a reunião das almas. Eu vejo que as pessoas já se esqueceram de como é importante isso. Banalizam os sentimentos... os desejos... os sonhos. Às vezes, eu pergunto a mim mesmo onde isto tudo vai parar.
    O que eu penso sobre isto é que vai chegar um momento em que não se vai poder ir mais além do que já se foi... o limite. Nessa altura, a tendência vai ser a de voltar às coisas que foram abandonadas... esquecidas. Flores... jantares... cinema... dançar... andar de mãos dadas...
    Para alguns, essas coisas entraram em desuso. Foram para o esquecimento. Não quero generalizar. Sei que existem pessoas que não pensam assim. O problema é que essas pessoas são cada vez menos. Não vou dizer que eu é que estou certo e o resto está errado. Esta é apenas a minha opinião sobre o assunto.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  35. Bem...eu sou uma romantica de alma e coração axo que isso diz tudo não?? ;)

    * + ' ()'''''()'+*
    +' * (''('o',)'') * ' +
    *****MIL BEIJOCAS******
    *+ ' ('')_*_('') ' + *

    ResponderEliminar
  36. E que partida...de xadrez!
    Com AMOR,sempre.Sexo casual faz mal!
    rsrsrsrs...
    Falando sério.Intimidade,confiança,cumplicidade,alegria,tesão e sexo com Amor é muito bom.É demais.O romance,enredo,história...tudo isso.Agora brincar de sexo também é bom e ser livre é ótimo.
    E tudo junto amor e liberdade é o suprasumo.


    Beijos,

    Cris

    Apareça

    ResponderEliminar
  37. Quando era adolescente com as hormonas aos pulos, qualquer atracção me fazia pensar que era amor. E hoje olhando para trás reconheco que tive sexo sem amor. Hoje para mim sexo e amor são indissociaveis. Pinocar por pinocar? Para isso compro um vibrador! Sexo sempre com amor!

    ResponderEliminar
  38. No meu caso a experiência tem sido mais em sexo do que em amor... mas não sou a favor de nada, acho que vou deixando as coisas acontecer, e não critico quem faz de outra maneira.

    ResponderEliminar

█████████████████████████████████

彡 LICENCIATURA DO JOTA EM SEXOLOGIA ...

► na HISTÓRIA DA ‘QUECA’ PORTUGUESA
► no FELÁCIO DOS AUSTRALOPITHECUS
► na PATOLOGIA DA ÁREA DO PONTO G
► no CUNNILINGUS CONTEMPORÂNEO
► no PRAGMATISMO DA ‘CANZANA’
► e na MORFOLOGIA DO PÉNIS

█████████████████████████████████